Tag Archives: game design

#1 O problema do documento de design

4 ago

Já perdi a conta de quantas vezes digitei “modelo de game design” no google.

Nós sabemos que um modelo perfeito não existe, que não existe modelo at all. Que cada jogo exige uma formatação diferente e que cada gd acaba criando seu jeito de trabalhar. Acredito que o documento de design acaba sendo algo bastante pessoal. Pessoalmente gosto de usar um guia, um lugar para começar. As vezes você tem o funcionamento básico do jogo na sua cabeça mas na hora de passar para o papel precisa descrever tantos elementos que não sabe por onde começar. Encontrei uma maneira de me organizar que funcionou para a maioria dos projetos. Com base no livro do Rouse III Game Design Theory and Practice, outros livros e resultados dessas várias pesquisas de google, surgiu um modelo que serve como ponto de partida. Os documentos finais não ficam nada parecidos com o inicial, mas ele me ajuda a não esquecer de coisas importantes e manter uma organização parecida entre os documentos. Se alguém tiver interesse, eis aqui:

Modelo de GDD

Boa sorte : )

Hello world! (como não poderia deixar de ser)

3 ago

Quando foi na época de fazer faculdade, meus 18 anos não sabiam o que eu queria fazer de verdade. Olhando para trás, fico feliz que não soubessem pois cursei a faculdade errada mais certa da minha vida. Ao sair de uma turma incrível com professores fantásticos e muitos possíveis caminhos a seguir, foi a sorte que me colocou onde eu descobri, no terceiro semestre de faculdade, que realmente queria estar.

game on!Há 4 meses trabalho como game designer em uma empresa start-up de jogos. Em 4 meses aprendi pesquisando, lendo, rabiscando e escrevendo coisas que meu curso focado na área de cinema não poderia me dizer. Digo que foi a escolha certa porque foi na faculdade que pensei pela primeira vez que os jogos não brotavam simplesmente do solo; na minha cidade pequena de interior meus amigos (além de fazendeiros) estavam indo ser médicos, dentistas e advogados. Quando um problemático semestre de multimídia me apresentou as professoras certas, eu soube que era isso que queria fazer, mesmo o mercado nacional de jogos parecendo ser um pouco complicado. E ele é complicado. Me custou uma primeira excursão abstrata na área (uma tentativa de game design de que fiz meu TCC) e um pouco de sorte para abrir caminho para meus primeiros passos.

Eu não fiz faculdade de jogos, nunca programei uma linha (e realmente deveria aprender pelo menos o básico!) e estou engatinhando meu caminho para ser game designer. Divido aqui problemas e soluções encontradas no dia-a-dia e espero conhecer pessoas que possam me ensinar muito mais!